21/11/2014

REVISTA CURA’SAAE EXIBIRÁ REPORTAGEM ESPECIAL SOBRE A ADUTORA DO FORRÓ




O Sistema Integrado de Abastecimento de Água – SIAA, mais conhecido como Adutora do Forró, deve beneficiar logo mais de 18 mil pessoas nas localidades de Barro Vermelho e Poço de Fora (Sede e Esfomeado), distritos de Curaçá, isso já na primeira etapa do Projeto. Sem dúvida, a estrutura em que se assenta esse sistema é uma das maiores obras de saneamento básico em volume de investimentos da história de Curaçá. A Obra, dos governos Federal e Estadual, beneficiou também o Distrito de Pinhões, em Juazeiro-BA e a cidade de Curaçá atingindo um volume de recursos superior a 17 milhões de reais.

A Revista Cura’Saae, criada em 2008 pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto – SAAE de Curaçá,  acompanhou todo o processo de implantação do SIAA, desde os sonhos de água do Rio São Francisco em Barro Vermelho, passando pela justificativa e  ideia original do sistema até sua inauguração. Os passos dessa reportagem especial foram construídos por meio de matéria da Revista, entrevistas e pesquisas. Os personagens e suas contribuições estão mais ou menos distintos em cada fase. Alguns documentos e fotos também estão sendo disponibilizados para essa grande reportagem.

A Reportagem foi dividida em 5 capítulos que serão publicados durante a próxima semana. Eles trazem seguintes subtemas: O sonho de água do Velho Chico em Barro Vermelho; Os movimentos sociais e a luta por abastecimento de água na bacia do Rio; Os ecos dos movimentos são ouvidos pelo Governo Federal; Do planejamento à execução da Adutora do Forró; A inauguração e início do funcionamento.

A elaboração desse texto é do mês de setembro, quando a Obra foi inaugurada pelo Governador Jacques Wagner, com algumas inclusões mais atuais e informações de bastidores. A Revista Cura’Saae espera que os leitores apreciem essa leitura, de segunda (24) até sexta (28).

Informações de Maurízio Bim, Revista Cura’Saae
Fotos: Arquivo Revista Cura’Saae – 1) vaqueiro acompanha obras; 2) Inauguração.
Leia mais...

ARTIGO: OS ABRIGOS PARA CRIANÇAS E ADOLESCENTES - Por: Paula Bezerra



Hoje trago um assunto que ainda é pouco conhecido, mas que deve ser colocado a conhecimento de todos, devido a sua importância na vida de muitas crianças e adolescentes brasileiros. A Lei n. 8.069/90 que instituiu o Estatuto da Criança e do Adolescente – preconiza em seu artigo 19, o direito das crianças à convivência familiar e comunitária. Contudo, quando estes direitos se encontram ameaçados ou violados por ação ou omissão da sociedade, do Estado, dos pais ou responsáveis, ou em razão de sua própria conduta, o ECA apresenta como medida de proteção a colocação das crianças e adolescentes em famílias substitutas ou abrigo em instituições, considerando prioritárias as medidas que mantenham os vínculos familiares e comunitários.



Sabemos que a família é fundamental para garantir a proteção integral à criança e ao adolescente, no entanto, existem situações em que o afastamento da criança do ambiente familiar é necessário para que a proteção continue garantida. Assim, a colocação de crianças e adolescentes em abrigos (antigamente conhecidos como orfanatos) deve ser provisória e excepcional, praticada somente quando os direitos da criança e do adolescente se apresentam ameaçados ou violados em casos de grave risco à sua integridade física e/ou psíquica, tais como abandono, negligência, dentre outros fatores que podem influenciar o desenvolvimento biopsicossocial de crianças e adolescentes.



O ambiente familiar dos abrigados é em sua maioria, marcado por adversidades de cunho econômico, social e psicológico, dificultando o cumprimento dos deveres dos pais. Assim, famílias em situação de vulnerabilidade social, na maioria das vezes, não possuem condições mínimas para garantir o bem estar dos seus membros. Algumas características podem estar presentes no cotidiano das famílias pobres, tais como o desemprego, desnutrição, nascimentos pré-conjugais, instabilidade, violência familiar, distúrbios mentais, delinquência, abuso de substâncias, morte precoce, estresse contínuo de habitações inadequadas e constantes dívidas (Hines, 1995). Apesar destas características pertencerem ao cotidiano das famílias pobres, o Art. 23 do ECA dispõe que a falta ou a carência de recursos materiais não constitui motivo suficiente para a perda ou suspensão do poder familiar.



Contudo, conforme pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada – IPEA (Silva, 2004), cerca de vinte mil crianças encontram-se abrigadas no Brasil em regime de permanência continuada, fazendo da instituição seu local de moradia e a pobreza é colocada como um dos principais motivos do abrigamento, seguido pelo abandono, violência doméstica, dependência química dos pais e responsáveis, vivência nas ruas e orfandade (Vectore, 2007). O abrigo é um importante microssistema para o desenvolvimento humano, podendo representar um fator de risco ou proteção na vida dos abrigados. O atendimento padronizado, o alto índice de criança por cuidador, a falta de atividades planejadas e a fragilidade das redes de apoio social e afetivo são alguns dos aspectos relacionados aos prejuízos que a vivência no abrigo pode exercer no indivíduo (Carvalho, 2002).



Por outro lado, estudos afirmam que as instituições de abrigamento podem oferecer boas oportunidades, e ressaltam que, em casos de situações ainda mais adversas na família, a instituição pode ser a melhor saída (Dell’Aglio, 2000). Desse modo, o cotidiano do abrigo (rotina, atividades desenvolvidas) possui importante influência sobre o desenvolvimento psicossocial de crianças e adolescentes. Sendo assim, a depender das características físicas e psicossociais, o abrigo pode ser um fator de risco ou proteção ao desenvolvimento dos abrigados. O abrigo precisa oferecer um ambiente que melhor represente a convivência familiar. Uma estrutura física semelhante ao de uma residência, com adultos responsáveis pelos abrigados e o contato destes com pessoas da escola e da comunidade, oferece uma gama de novas interações, possibilitando a formação de outros vínculos sociais, que são saudáveis ao desenvolvimento dos abrigados.


Com informações extraídas de: Carvalho,A.M.(2002).Crianças institucionalizadas e desenvolvimento: possibilidades e desafios.SP:Casa do Psicólogo.;Dell’Aglio,D.D.(2000).O processo de coping, institucionalização e eventos de vida em crianças e adolescentes.Tese de Doutorado não-publicada, UFRGS.Porto Alegre,RS.;Hines,P.M.(1995).O ciclo de vida familiar nas famílias negras pobres.Porto Alegre: Artes Médicas.;Lei n. 8069, de 13 de julho de 1990.Estatuto da Criança e do Adolescente. Brasília.Senado Federal:Centro Gráfico;Silva,E.R.A.(2004).O direito à convivência familiar e comunitária: os abrigos para crianças e adolescentes no Brasil.Brasília:IPEA/CONANDA.;Vectore,C. (2007).Estratégias mediacionais:possibilidades de inserção do psicólogo escolar/educacional em abrigos. Campinas,SP.Alinea.




Paula Bezerra – Psicóloga CRP-03/9980

Paula é natural de Sr. do Bonfim. Bacharel em Psicologia pela UNIVASF. Pós-graduando em Psicologia do Trânsito. Atua na área da Assistência Social (CRAS). Contato: paula.psique@hotmail.com
Leia mais...

19/11/2014

NESTE SÁBADO, 14ª FESTA DE ZUMBI NO JATOBÁ

A Comunidade Quilombola de Nova Jatobá realiza, no próximo sábado (22), durante todo o dia, a 14ª edição da Festa de Zumbi dos Palmares e referência ao Dia da Consciência Negra. O Evento terá como tema a “Inserção qualificada de igualdade no municipio de Curaçá-BA” e será realizado na sede da Associação de Desenvolvimento Comuniário de Nova Jatobá. A programação será contará com: desfile da escola local Aparecida do Norte, apresentações de dança com o Grupo Jatobá e índios da Missão Velha, rodas de Terreiro (Faz. Rompedor) e de São Gonçalo (Faz. Primavera); benção religiosa da Festa, encenação da Capoeira Redimidos e festa dançante.

Todos estão convidados para o evento. Compareça e prestigie nossa cultura!

Realização: Associação de Desenvolvimento Comunitário de Nova Jatobá e Circunvizinhos
Apoio: Governo Municipal de Curaçá
Nossa gentes em Primeiro Lugar


Leia mais...

13/11/2014

MUSEU DE CURAÇÁ RECEBE MELHORIAS ESTRUTURAIS

O Governo Municipal de Curaçá tem realizado uma série de reformas em prédios públicos por todo o Município. Dessa vez, o Museu Dona Telu (Auristela Torres), localizado na Rua Major Torres, foi beneficiado com melhorias estruturais, recebendo novo telhado e pintura, os quais proporcionaram melhor aspecto e segurança ao ambiente. A reforma, iniciada em 14 de março desse ano, foi concluída no fim desse mês de outubro.




A Diretora do Museu, Ana Paula dos Santos, explicou qual era a situação do prédio. “Foram encontrados diversos focos de cupim, que comprometiam toda a estrutura do telhado, o qual corria o risco de cair. Então, passamos essa informação para a Secretaria de Educação e fomos atendidos. Foi trocada toda a madeira do telhado e colocado um novo forro, além da pintura; sem contar que o ambiente ficou mais bonito e organizado. Essa já era uma demanda antiga da equipe do Museu e nós ficamos satisfeitos, pois sabemos que o Museu é muito importante para a educação e história de Curaçá”, enfatizou.

Ainda de acordo com Paula, após a reforma, houve aumento no fluxo de visitantes. “Já recebemos uma média de 300 pessoas. Muitas turmas de estudantes. Por isso, só temos a agradecer ao gestor do Município e à Secretária de Educação”, concluiu. O atendimento, de acordo com a equipe do ‘Dona Telu’, acontece durante toda a semana, das 8h às 14h, e também aos sábados pela manhã.

Informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Curaçá


Leia mais...

12/11/2014

VEM AÍ O 3º CAMPEONATO DE FUTSAL ROZEAN NASCIMENTO

Atenção, garotada! Vem aí o 3º Campeonato de Futsal masculino ‘Rozean do Nascimento Guedes’, que terá início nessa quinta-feira, dia 13, no Ginásio de Esportes Deroaldo Franco, a partir das 7h da noite. Os confrontos serão entre as equipes: Bola e Arte, Galatassaray, Itamotinga, Adidas e Vila Real, nas categorias sub 11, sub 13, sub 15 e sub 17.   

A entrada é gratuita e você não pode ficar de fora!

Realização: Departamento de Esportes

Governo Municipal de Curaçá

Nossa gente em primeiro lugar
Leia mais...

GESTÃO MUNICIPAL ENTREGA MAIS UMA RUA PAVIMENTADA

O Governo Municipal de Curaçá tem investido na pavimentação de ruas pelo Município. O objetivo é melhorar o trânsito e a qualidade de vida da população. Diversas vias já foram calçadas com recursos próprios e o serviço contemplou, recentemente, a travessa (sem nome) que liga as ruas Capim Grosso, Alexandre Cariolano e Tiradentes.

De acordo com o Chefe do DMP, Givaldo Lopes, a obra foi feita com recursos próprios. Foram beneficiados 100 metros de extensão com pavimentação de calçamento (1.000 m²), mediante utilização de pedras de granito, massa e areia, num padrão de obra que tem como diferencial o bom nivelamento da via e resistência do material, assim como aconteceu nas demais pavimentações feitas desde o ano passado pelo Governo. Na Travessa ao lado da Sociedade dos Vaqueiros, o calçamento recebeu também serviços de drenagem (pela Secretaria de Infraestrutura e Serviços) e elevação de esgotamento sanitário (pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto).

 Com a conclusão da Travessa, ficam beneficiadas sete residências e três pontos comerciais, além de dois prédios públicos. A limpeza da via e um retoque na Travessa, próximo ao Restaurante Bode e Cia., estão programados ainda para esse mês. Conforme dados da Secretaria de Governo, como a Câmara não aprovou dotação suplementar para calçamentos, essa será, infelizmente, a última obra de pavimentação urbana do Governo em 2014. O Prefeito de Curaçá, Carlinhos Brandão, adiantou que há diversas obras de calçamento planejadas para o ano 2015, na Sede e no Interior. “Vamos beneficiar lugares que nunca receberam calçamento e ampliar onde já existe”, garantiu Carlinhos.

Informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Curaçá 


Leia mais...

MEC DIVULGA GABARITO DO ENEM 2014

O gabarito da edição de 2014 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi divulgado nesta quarta-feira no portal do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pela prova.  De acordo com o presidente do Inep, Chico Soares, os resultados individuais do Enem deverão ser divulgados em janeiro de 2015, mediante inserção do número de inscrição ou CPF e senha do candidato.
O exame foi realizado por candidatos de todo o País nos dias 8 e 9 de novembro. A prova já é o único vestibular para entrada em 48 das 63 universidades federais. A avaliação também é usada para obtenção do certificado de ensino médio e participação de programas estudantis do governo federal, como o ProUni (bolsas de estudo em universidades privadas), o Fies (financiamento do ensino superior) e o Ciências sem Fronteiras (bolsa de intercâmbio). Nesta edição, houve 8,7 milhões de inscritos – a abstenção ficou em 28,64%(Estadão).

Leia mais...

11/11/2014

APREENSÃO DE ARMA DE FOGO NO MUNICÍPIO DE CURAÇÁ

Por volta das 00h10min do dia 10/11/2014, a guarnição de rádio patrulha da 45ª CIPM em Agrovilas, após diligências no Povoado de Fagundes em Curaçá-BA, após uma revista minuciosa no clube de Adriana apreendeu um revólver calibre 38, marca Rossi, nº de série 0705, abandonado no interior do banheiro. Não foi possível atribuir a propriedade da arma a nenhum dos frequentadores.

A arma foi apresentada na delegacia de policia civil em Curaçá.  
Quartel em Curaçá, 10 de novembro de 2014.



45ª CIPM / CURAÇÁ
Leia mais...

10/11/2014

ESTRADAS DE PATAMUTÉ SÃO REFORMADAS PELO GOVERNO MUNICIPAL


O Governo de Curaçá vem promovendo, desde o início do ano passado, um conjunto de obras em estradas por todo o Município, as quais compreendem: reformas, pavimentações e nivelamentos. De janeiro até novembro desse ano já são mais de 200 quilômetros prontos nas seguintes estradas: Pedra Branca até divisa com Pambu (Abaré-BA) e vicinais; alguns trechos da estrada Curaçá-Barro Vermelho (nivelamento); Missão Velha até BA 210; Poço de Fora a Barro Vermelho, e mais recentemente: Curaçá a Patamuté passando pelo Povoado de São Bento.

Na estrada Patamuté-Curaçá, aproximadamente 74 quilômetros, o trabalho foi cascalhamento em diversos trechos da via e nivelamento. A estrada, de acordo com Antonio Rozemberg, Administrador Distrital de Patamuté, passou por um serviço dessa natureza no ano 2013. “Entre setembro e outubro do ano passado o Governo já tinha feito alguns cascalhamentos e passou a patrol, mas ficaram uns trechos que soltava muito pó e era perigoso especialmente para quem anda de moto. Esse ano, já antes da Romaria da Gruta, foi colocado um material nesses locais e melhorou bastante. E o bom e que a estrada já está totalmente concluída e já foram feitos trabalhos inclusive mais de trinta quilômetros em estradas de fazendas daqui da região como as fazendas São Mateus e Boa Esperança”, revelou o Administrador. O trabalho foi aprovado também pelo Administrador de São Bento, Janilson Brandão: “fica mais rápido e com comodidade viajar de São Bento a Curaçá. A Comunidade ficou agradecida, especialmente os transportadores”.

O serviço foi feito com uso de máquinas da Prefeitura: retroescavadeira e caçamba para aplicação de aterro especial; e patrol para nivelamento da pista. “O que nós planejamos está dando certo. Ano passado gastamos muito com estadas porque estavam todas acabadas. Nós reformamos e agora só vamos administrando o conserto em algumas partes e passando a patrol. Desse jeito, a cada ano gastamos menos com estradas, mas sempre deixando elas todas bem reformadas”, explicou o Prefeito Carlinhos Brandão
Leia mais...

06/11/2014

EM NOTA, GESTÃO MUNICIPAL DIZ QUE VEREADORES DE CURAÇÁ ENGESSAM SUPLEMENTAÇÃO E SERVIÇOS ESTÃO COMPROMETIDOS‏

Em nota, Prefeitura de Curaçá informa que a administração municipal está sendo seriamente prejudicada pela Câmara de Vereadores em não aprovar o projeto de lei que previa suplementação orçamentária para pagar despesas diversas.

Confira a nota na íntegra:

Nota a respeito de Lei de Suplementação aprovada na Câmara de Vereadores

Senhores Servidores, Senhores professores, Senhores fornecedores e prestadores de serviços,
A Prefeitura Municipal tem o dever de levar ao conhecimento de todos, especialmente aos seus administrados, as dificuldades enfrentadas no dia a dia da gestão pública municipal.
Como todos sabem, para que o prefeito possa fazer o pagamento das despesas assumidas é preciso que haja autorização da Câmara Municipal, através de Lei Orçamentária Anual e de Suplementações.
A Prefeitura enviou pedido de autorização de suplementação orçamentária para as ações desenvolvidas na comunidade. Contudo, a Câmara de Vereadores, na última segunda-feira, aprovou a suplementação orçamentária, através da emenda modificativa numero 06/2014, porém, ficando de fora os seguintes serviços essenciais:

1.       Na Educação não foi autorizada despesa com:
Ø  Transporte escolar – PNATE;
Ø  Construção ampliação e reforma de Escolas;
Ø  Alimentação para as Creches;
Ø  Alimentação Indígena;
Ø  Combustível para ônibus do Caminho da Escola;
Ø  Como também toda manutenção para o funcionamento da Secretaria da Educação;

2.       Na Ação Social NADA foi autorizado, prejudicando o funcionamento de todos os programas, tais como:
Ø  PETI;
Ø  Bolsa Família;
Ø  Conselho Tutelar;
Ø  CREAS;
Ø  CRÁS;
Ø  Comunidades Indígenas;
Ø  Como também toda manutenção para o funcionamento da Secretaria da Ação Social.

3.       Para o Desenvolvimento Rural também nada foi aprovado, ficando o homem do campo sem os seguintes serviços:
Ø  Recuperação de poços artesianos;
Ø  Recuperação de aguadas;
Ø  Recuperação de barragens;
Ø  Fornecimento de água;
Ø  Como também toda manutenção para o funcionamento da referida Secretaria ;

4.       Na Secretaria de Saúde ficaram sem autorização da Câmara os seguintes projetos:
Ø  Construção de Unidades Básicas de Saúde;
Ø  Assistência Hospitalar aos Índios;
Ø  Vigilância em Saúde;
Ø  Ambulância e Carro de Apoio aos doentes do interior;
Ø  Transporte para pacientes em tratamento de hemodiálise;
Ø  Atendimento à saúde bucal;
Ø  Como também toda manutenção para o funcionamento da referida Secretaria;

5.       Na Secretaria de Infra estrutura também ficaram sem autorização da Câmara os seguintes serviços essenciais:
Ø  Iluminação Pública;
Ø  Calçamento;
Ø  Manutenção de Matadouro;
Ø  Manutenção de estradas;
Ø  Como também toda manutenção para o funcionamento da referida Secretaria;

6.       A dívida do PASEP também não recebeu autorização de pagamento, podendo o Município ter sua principal receita – FPM – bloqueada, o que prejudicará todos os serviços ofertados pelo Município.



Fica aqui a espaço para que a Câmara Municipal possa se manifestar.


Leia mais...

04/11/2014

ROMARIA DA GRUTA DE PATAMUTÉ 2014

Durante os dias 31 de outubro e 1º de novembro aconteceu a tradicional Romaria da Gruta de Patamuté, Distrito de Curaçá. A Gruta, onde é realizada a Romaria, fica a 64 km da cidade de Curaçá, pela estrada de chão que liga Curaçá a Patamuté (há sinalização na estrada vicinal da Gruta). O Evento, que acontece desde 1903, é realizado em homenagem ao Sagrado Coração de Jesus, reuniu milhares de romeiros da região e até de outros municípios e estados, que vieram assistir missas, pagar promessas e fazer pedidos.



Para acolher os milhares de fieis, se montou, na base da Gruta, estrutura composta por faixas de boas vindas, toldos, banheiros (químicos e convencionais) e diversas barracas de comerciantes de alimentos, roupas, artesanato, velas, etc. A organização foi da comunidade católica local, da Paróquia de Curaçá, com o apoio da Prefeitura Municipal, Polícia Militar e Curaçá FM. No local, era possível encontrar diversas redes e colchonetes, que serviam de improviso na hora do descanso. Também muitos carros que deslocaram os romeiros e outros turistas. “É a primeira vez que venho aqui. Eu não sabia que esse evento tinha essa grandeza. Quero estar aqui mais vezes”, comentou Célio Souza, comerciante de Barro Vermelho/Curaçá-BA.

Ao chegarem à Gruta, após percurso com árvores e muitas pedras, os fieis encontram uma bela paisagem. As paredes e o teto do local são de formações rochosas. No centro da Gruta fica o altar que acolhe a imagem do Sagrado Coração de Jesus, rodeado de velas, ofertas e ex-votos de partes do corpo humano, esculpidos de madeira, que são ícones de promessas pagas. Para atender aos romeiros, o Padre realizou quatro missas: à noite da sexta-feira, no dia 31 (na base), e nos horários de 6h30, 8h e 10h no dia 1º (dentro da Gruta). As celebrações, que contaram com a participação dos músicos Fernando Antônio Ferreira (Fernandinho), Jean Braga e da Banda de Pífanos de Euclides da Cunha-BA, ficaram por conta do Padre João Mendes, que em todas as missas falou do amor de Deus, do amor fraternal e do respeito ao meio ambiente. “Estamos aqui nesse ambiente tão lindo que Deus criou. Se existe algo feio fomos nós que fizemos. E feio é o pecado. Tudo que Deus criou é bonito”. Na sexta-feira, ainda foram exibidos dois filmes: um a sobre a vida do Padre Cícero e o segundo a respeito da Romaria da Gruta de Patamuté em 2013, que foi elaborado pela Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Curaçá.

Esse ano, foi notável a diminuição no número de romeiros. Um assalto seguido de sequestros na vizinha cidade de Uauá-BA, pode ter influenciado nisso. “Graças a Deus tivemos paz ao menos aqui no ambiente da Romaria e não tivemos nenhum problema no atendimento aos romeiros. Tudo ocorreu bem, mas soubemos de um sequestro de romeiros que vinham de Paulo Afonso. Fora isso, o clima de medo de viajar pelas estradas fez com que muitos não viessem. Mesmo assim estamos felizes pela organização e as missas foram um sucesso em participação”, avaliou Antonio Carlos Rodrigues (Maré), um dos organizadores do Evento.


Informações da Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Curaçá
Leia mais...